18 de out de 2011

Passando a limpo

Não que seja por uma questão estética (que por sinal não me incomoda), mas minha saúde tá complicando, e as dores estão me tirando do sério, fico de mal humor e impaciente; acabo caindo em cima de quem não tem nada a ver com isso. Resultado: vou ter que fazer dieta, aliás, tenho que tomar vergonha na cara e comer direito. Poderia dizer "aprender" a comer, mas isso já sei, só que sou relaxada no que se refere a esse assunto.
 
Hoje fui ao supermercado e já comecei a compra "guloseimas" para começar a me adaptar a esta mudança. 
Muitos a chamariam de radical (a mudança), mas eu não... estou tranquila quanto a isso. É que sou relaxada mesmo. 

Me peguei fazendo planos com relação às alterações no meu cardápio alimentar. Dei risada. Quis chorar (adoro pão, mas terei que cortá-lo do meu dia a dia porque não sei diminuir a quantidade, prefiro tirá-lo de vez).
Tentarei registrar estes momentos pra colocá-los aqui e dividir com vocês essa transformação pela qual pasarei. Espero melhorar e manter um peso adequado, mas sem neuras. E uma coisa que eu associo a neuras é a balança, nunca gostei de tá me pesando sempre (só me pesava quando ia ao médico). Mas hoje tive que fazer isso para poder ter um controle da dieta, perceber se está dando certo, e se não estiver, ver o que precisa ser mudado. Me pesarei toda semana. Mas nem pensem em perguntar quanto estou pesando (acho falta de educação, mais do que perguntar a idade - essa eu não ligo em revelar). Informarei apenas as perdas semanais. 
Sei que terão momentos hilários, esses faço questão de divulgar porque nada melhor do que a gente rir da gente. Adoro!!!

De agora em diante terei que me policiar e seguir à risca as quantidades certas de cada nutriente, fazendo um "balanço" entre eles. O importante é comer de tudo para que não ocorra algum déficit nutricional e fazer seis refeições diárias (coisa que não faço a muito tempo). Come-se de tudo, mas sem exageros, tem que ter bom senso. Beber bastante água (entre 1,5 e 2 litros diários) também faz parte (e eu já tenho este costume). Saber dizer NÃO às frituras, aos alimentos industrializados e a alimentos que contenham as palavras “gordura parcialmente hidrogenada” no seu rótulo (eles ficam melhor enfeitando as prateleiras do supermercado).

Frutas e legumes são poderosos. Sei que nessa caminhada não vou reclamar de algo: saladas - adoro saladas, de todo tipo, com diversos temperos, folhas, verduras... e de frutas também. Faço a festa, mas com moderação também. 

Carne branca é melhor que carne vermelha, pois tem menos teor de gordura. Alimentos integrais têm poucas calorias, diminuem a absorção do colesterol, formecem energia e auxiliam no funcionamento correcto do trato digestivo e intestinal. Reduzir o sal e o açúcar é de suma importância.
Mas, e as TENTAÇÕES? Elas existem e estão sempre no meu caminho. Elas poderão ser, sem sombra de dúvidas, excessões, nunca regras. E sem culpa.
Isso tudo requer uma mudança no meu estilo de vida. Terei que incluir uma atividade física, mas, no momento, tenho que melhorar das dores para depois pensar nisso. Para que essas mudanças deem certo, cada hábito novo deverá ser introduzido aos pouco para que ele dure para sempre, que não seja apenas algo de momento até alcançar o objetivo desejado. 
E vamos lá!!!

3 comentários:

Doutor Jr disse...

Oi Linda,

Com relação à carne branca, procure retirar a pele do frango, aquela que normalmente fica crocante quando assamos ou fritamos, pois ela é o maior veneno, hoje em dia, os frangos que compramos em mercados são de granja, criados na engorda, recebem medicamentos e hormônios para ganhar peso, pois bem, o excesso desses produtos acabam se acumulando justamente na gordurinha da pele e na própria pele, ou seja, acabamos ingerindo produtos de origem duvidosa.

Sei que sua perna incomoda, mas se conseguir aliar algum tipo de exercício físico à reeducação alimentar, você verá que os resultados começarão a aparecer mais rápido, sei lá, às vezes simples abdominais já ajudam, pois é um exercício que não exige que fiquemos em pé.

Beijos,

Junior

Teu amigo gaúcho! disse...

Receita de café da manhã: Três fatias de pão de centeio, com duas fatias de queijo. Uma banana, uma maçã e um copo de iogurte com granola e linhaça!
Ai vc vai ficar com o corpinho gostoso como o meu! Oaksoaksoas!

Bel Freitas disse...

Eita delícia... adorei a sugestão. Também, com um miguxo gostoso desse só pode dar certo, né? Te amo de paixão MEU gaúcho... ♥