3 de jan de 2012

Uma Trilogia de 5

Estou descobrindo através de uma leitura que tudo na vida gira em torno da IMPROBABILIDADE...
Por que cheguei a essa conclusão?
Devido a algumas informações importantes:

A TERRA foi criada pelos habitantes do planeta Magrathea a pedido dos seres pandimensionais hiperinteligentes, chamados RATOS.

Muitas pessoas precisam usar o peixe-babel.

"Toda a infinidade multidimensional do Universo é, com certeza quase absoluta, governada por loucos varridos".
 
"Somos apenas parte de um gigantesco programa de computador."

Uma teoria foi elaborada para explicar porque os seres humanos tinham o hábito de afirmar e repetir continuamente o óbvio mais óbvio: “Se os seres humanos não ficarem constantemente utilizando seus lábios, eles grudam e não abrem mais”. Mas esta teoria foi abandonada em favor de outra: “Se eles não ficarem constantemente exercitando seus lábios, seus cérebros começam a funcionar”. Mais uma teoria foi abandonada. E tudo ficou por isso mesmo...

“Isto porque a Razão, naquele exato momento, estava tomando um cafezinho”.

“È fantástico! Fomos salvos por uma nave movida por um gerador de improbabilidade infinita! É incrível!”
“O princípio de gerar pequenas quantidades de improbabilidade finita simplesmente ligando circuitos lógicos de um Cérebro Subméson Bambleweeny 57 a uma impressora de vetor atômico suspensa num produtor de movimentos brownianos intensos (por exemplo, uma boa xícara de chá quente) já era, naturalmente, bem conhecido – e tais geradores eram frequentemente usados para quebra o gelo em festas, fazendo com que todas as moléculas da calcinha da anfitriã se deslocassem 30 centímetros para a direita, de acordo com a Teoria da Indeterminação.” – Vocês entenderam? (pergunta feita por mim, Bel Freitas)

Um poema:
Ó fragúndio bugalhostro
Tua micturição é para mim
Qual manchimucos num lúrgido mastim
Frêmeo implochoro-o
Ó meu perlíndromo exangue
Adrede não me apagianaste a crímidos dessartes?
Ter-te-ei rabirrotos, raio que o parte!

Algumas definições:
  • Dinamite Pangaláctica – bebida
  • Damogran – mares
  • Huluvu – tonalidade de azul superinteligente
  • Atomeio reptiloide, maximegalacticianos verdes silfoides, fissucturalistas octópodes – exemplos de alguns seres
  • Vogons – as forças de evolução desistiram destes seres, só sobreviveram devido à teimosia e à força de vontade dessas criaturas de raciocínio preguiçoso. “E o que a natureza se recusou a fazer por eles ficou por isso mesmo, até que pudessem consertar as grosseiras inconveniências anatômicas através da cirurgia”.
  • T. Eccentrica Gallumbits – prostituta de três seios de Eroticon 6
  • Betelgeuse – planeta
  • ZZ9 Plural Z Alfa – seção do espaço
  • Zaphod Beeblebrox – presidente da Galáxia
  • Slartibartfast “meu nome não é importante” – morador do planeta Magrathea

Resposta final “À grande Questão da Vida, o Universo e Tudo Mais?” – 42
Quem sou eu?
“Qual meu objetivo na vida?
“Em um escala cósmica, faz alguma diferença se hoje eu resolver não me levantar e não ir ao trabalho?"

Definição da Terra no Guia dos Mochileiros das Galáxias – praticamente inofensiva

Bom, acho que este post ficou enorme. Me animei, e fui relatando algumas pequeníssima coisas que me amarrei achei interessante no livro Guia do Mochileiro das Galáxias, Douglas Adams. Este foi uma sugestão de um amigo. E estou gostando muito.
Estas descrições fazem parte do volume 1 de “UMA TRILOGIA DE CINCO” como o próprio autor define essa aventura.


Ótima leitura para vocês!


Coleção completa

E para quem prefere assistir filmes, hoje pela manhã me informaram que existe o filme deste livro. E advinhem o que estou fazendo neste momento? Procurando na net o filme para fazer o download.




INFORMAÇÕES DO FILME
Ano de Lançamento: 2005
Nome: O Guia do Mochileiro das Galáxias
Gênero: Aventura/Comédia
Duração: 110min
Audio: Portugues Dublado
Tamanho: 315Mb
Formato: Rmvb – Dvdrip
Nota do Audio: 10
Nota do Vídeo: 10




Sinopse: 
Não entre em pânico... Pegue carona com o cara mais normal do mundo numa aventura intergaláctica extraordinária na comédia hilária, O Guia do Mochileiro das Galáxias (The hitchhicker´s Guide to The Galaxy). O terráqueo Arthur Dent (MARTIN FREEMAN) está tendo um péssimo dia. Sua casa está para ser demolida; ele descobriu que seu melhor amigo é extraterrestre; e, para piorar as coisas, descobre que o planeta Terra também está prestes a ser demolido para dar passagem a uma auto-estrada hiperespacial. Arthur só tem uma chance de sobreviver: pegar carona numa nave espacial de passagem. Para o aprendiz de viajante espacial, a maior aventura do mundo começa quando o mundo termina. Em sua saga, Arthur descobre que nada é o que parece: ele aprende que uma toalha é a coisa mais útil no universo, descobre o significado da vida e que tudo o que ele precisa saber está num livro: O Guia do Mochileiro das Galáxias (The Hitchhiker’s Guide to the Galaxy).

Boa diversão!!!

Um comentário:

Luma Rosa disse...

Muito bom, Bel!! Ainda vou ler o Guia e este assunto realmente me interessa! Beijus,