12 de mai de 2012

Cadê?

Olho ao redor e não te vejo.
Procuro teu rosto na multidão e continuo a não te encontrar.

Mas te sinto aqui comigo.

Num sorriso de alguém que conversa alegremente.
Nas palavras dos enamorados que almoçam juntos.
Nos carinhos públicos entre pais e filhos.
Nas palavras que se embaralham, em um livro que estou lendo.
Nas imagens dos cartazes dos filmes no cinema.

Uma brisa passa e carrega todo esse momento mágico, onde as lembranças se misturavam à realidade efervescente de um dia comum.

Um comentário:

deiafofa disse...

Lindo,lindo.lindo!!!