31 de dez de 2012

Me perdi no emaranhado cinzento

Compromissos, afazeres, responsabilidades me consomem por inteira, sem trégua, indefinidamente. O tempo passa, me atropelando, urgindo, me apertando até o sufocamento ser concluído. Não preciso que isso aconteça, quero um minuto para mim, quero me encontrar devaneando. Mas estou tão envolvida pelo emaranhado de números do tic tac que martela em minha cabeça: hora pra isso, hora pra aquilo, e todos os prazos têm que ser cumpridos. Me esforço além do que me é permitido, entro num estado de transe automático temporal até cair esparramada. O olhar parado, o mundo girando, girando, girando... Me seguro com força em meus pensamentos velozes, tento frear, me autodominar.

Então ele chega de mansinho e me domina, ocupando aquele lugar vazio e que, por referência, é dele. Me deleito com suas ideias, suas aventuras, o seu chamado. E imploro ao meu tempo, que agora dê o devido lugar a ele. Sua maneira envolvente, sedutora e autoritária me permite transcender ao escudo que me protegia de sentimentos tão intensos e vorazes. A necessidade de estar com ele me faz embarcar nos diferentes lados destes sentimentos que tanto evitei e que, agora, me vejo seduzida a ceder. 

Os segredos vão se revelendo conforme a música toca, conforme ele também se envolve. E eu quero mais, sempre mais.

E que venham os diversos tons Escuros e de Liberdade.




3 comentários:

Irinia Zachello disse...

Oie! Nossa eu to na metade do segundo e estou gostando muito sabe? Vou fazer um resenha geral dos tres! Eu acho que eles são muito inseguros, muito mesmo. Mas torço por esse casal. Beijos

She disse...

Fiquei encantada com a forma poética que você descreveu o que o livro te causou, amei mil vezes, parabéns Bel! Hahahahahaha mais uma que o Sr. Grey pega de jeito, é bom demaaaaaaaaaaaaaaaaaaais. Acho que vc vai gostar muito também do Tons mais Escuros e do Tons de Liberdade... estou chegando na metade do terceiro e continuo AMANDO! :)
Beijo, beijooooooo
She

Criticando por aí - Caroline disse...

Bel, meu namorado me presenteou com o Box da trilogia de 50 tons. Acabei de ler o primeiro, hoje faço um post diferente sobre ele lá no blog, haha!


Beijos,
Caroline, do Criticando por Aì.