18 de fev de 2012

Inocência


A inocência revelada nestes olhinhos tão espertos. 
Pureza, ingenuidade e alegria também permeiam estes seres.
A inocência é bela.
Em seus pensamentos não há passado, muito menos futuro. Eles vivem o hoje. Existem os sonhos sim, mas são baseados na vivência do presente.
Os seus sentimentos são verdadeiros, não dissimulam. Tudo é natural, sem máscaras.
A vida é uma eterna festa regada a muitas brincadeiras.
O olhar brilha, o sorriso encanta, o carinho nos desmancha.
O mundo é um conto de fadas, não há espaço para a maldade.
São anjos!

Um comentário:

deiafofa disse...

OI!!!
Bel como é bom ser criança!
Com este teu texto de uma simplicidade mais tão verdadeiro,me levou as lagrimas cheia de recordações da minha infância.
Beijos gordos
Déia